Realinhamento Capilar: Tudo o que você precisa saber sobre esse novo método

realinhamento_capilar

A escova progressiva ganhou muita força nos anos 2000, a técnica inovadora ganhou os salões e fez a cabeça da mulherada. Mas como todo método que aparece no mercado agora começou a cair em desuso, principalmente pelo alto índice de formol usado.

Atualmente existe a regulamentação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) sobre a concentração de formol nesses produtos. Entretanto, ainda existem produtos com formol acima do permitido. Algumas mulheres decidiram parar e adotar os fios naturais, outras recorreram a outras técnicas de alisamento e redução de volume.

realinhamento_capilar_02

Escova de chocolate, marroquina, definitiva, inteligente, americana, de açúcar, e assim por diante, entre tantos tipos de escova, hoje em dia existe um método que está se sobressaindo dos demais.

O realinhamento dos fios, pode não parecer, mas é uma técnica de alisamento e o melhor de tudo, não contém química.

Como funciona?

realinhamento_capilar_03

O produto é composto por 21 aminoácidos provenientes de alimentos naturais, foi descoberto que eles possuem um poder de alisamento de até três meses na fibra capilar. Esses aminoácidos ainda hidratam e nutrem os fios, tornando o cabelo mais maleável, ao contrário das outras técnicas.

Para substituir o formol, foi utilizada uma nano partícula de serina, um aminoácido poderoso. Os componentes do realinhamento capilar também estão presentes na estrutura dos fios e fazem parte das moléculas de queratina. Resumindo, a fórmula do realinhamento é natural e ajuda a manter os fios saudáveis.

Como é feito?

O realinhamento dos fios é feito em três passos: Primeiro o relaxamento, em seguida o realinhamento e para finalizar secar e pranchar. Nesse caso o cabelo é alisado completamente. Caso você tenha as madeixas cacheadas e prefere diminuir um pouco o volume e deixar os cachos mais soltos, basta pular a parte do relaxamento.

Diferente dos outros procedimentos, o realinhamento capilar é compatível com outras químicas, tais como a tintura e a descoloração. Mas lembre-se de pedir para fazer o teste antes de começar a fazer muitos métodos nos fios, muitas vezes eles acabam não aguentando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *