Que tal mudar a cor dos seu cabelo usando uma “chapinha”?

Com um botão, você poderá colorir suas madeixas. É uma ideia fantástica idealizada pela Universidade do Novo México, EUA. 

Novas pesquisas sugerem indivíduos podem alterar sua cor de cabelo e usar uma chapinha para pressionar um novo padrão de cabelo.

Novas pesquisas sugerem indivíduos podem alterar sua cor de cabelo e usar uma chapinha para pressionar um novo padrão de cabelo. Foto: Divulgação

Imagine ligar a chapinha e enquanto alisa suas madeixas, colorir os fios, podendo escolher a cor, e ainda, sem usar nenhum produto químico. Muito tentador não acha?

A Universidade do Novo México, em parceria com o Laboratório Los Alamos criam um projeto, que ainda está em fase de desenvolvimento. O produto é semelhante a uma “chapinha”, com uma pequena diferença, ela pode reproduzir nos fios qualquer cor desejada.

O estudo é intitulado como “nano-padronização de difração em cabelos para fins cosméticos”, que consiste em refletir a luz de forma específica, gerando as cores desejadas. Após a “gravação” da cor nos fios, como o mesmo processo (passar a chapinha) é possível removê-la.

Desde de 2009, os pesquisadores e engenheiros reúnem tecnologias para atrair financiamento de uma grande empresa.

Em 2011, a P&G havia financiado o projeto, solicitando amostras de fios preto, castanho e loiro. O resultado da técnica foi positivo nas três amostras, entretanto os fios castanhos tiveram resultado mais eficaz que os demais. Contudo, gravar cor nos fios do cabelo, em uma máquina de milhões de dólares não é tão prático assim, e o financiamento teve fim.

Atualmente a universidade continua buscando recursos para aperfeiçoamento da tecnologia, como o uso desse aparelho para gravação permanente da cor nos fios, ou um shampoo especial que retiraria o efeito após a lavagem.

Infelizmente essa chapinha que promete economia de tempo e dinheiro, ainda não está disponível no mercado, o que nós resta é esperar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *