Cabelo sintético x cabelo orgânico: entenda a diferença e acerte na escolha

Não é surpresa para ninguém a enorme quantidade de tratamentos e recursos ligados à área de beleza que encontramos no mercado, principalmente quando o assunto é cabelo. 

A variedade desse mundo da beleza deixa o consumidor muitas vezes por fora sobre o assunto. Que tal começar a pensar um pouco sobre as diferenças entre o Cabelo Sintético x Cabelo Orgânico e decidir o que fica melhor para você?

Cabelo sintético x cabelo orgânico: inúmeras possibilidades

Estar cansada do visual ou fazê-lo por necessidades de saúde, por exemplo, são as justificativas mais comuns para quem procura por perucas, apliques, entrelaces, transições capilares ou extensões.

E nesse segmento o que não falta são opções para vários gostos e bolsos. Por isso é importante saber distinguir as vantagens do Cabelo Sintético x Cabelo Orgânico. Aqui vai uma lista:

  • O cabelo sintético é produzido com fibras não naturais, por isso costuma brilhar mais que o cabelo natural;
  • Uma das grandes diferenças entre o Cabelo Sintético x Cabelo Orgânico é que o primeiro não aceita muito bem ferramentas de calor, já o segundo possui uma película protetora que o torna mais forte;
  • Com durabilidade distintas, os fios sintéticos costumam durar menos que os fios orgânicos.

Recomendações importantes para o cuidado com o tipo escolhido

Apesar das diferenças entre os dois tipos de cabelo, no momento da compra deve se considerar:

  • Quanto você pode investir – lembre-se da máxima “o barato sai caro”
  • O tempo despendido para cuidar dos fios – o fio sintético exige que as madeixas sejam lavadas com shampoo dissolvido em água, já o fio orgânico prefere produtos sem álcool.
  • Escolher um especialista em mega hair para garantir a qualidade e origem do cabelo e utilizar as técnicas e equipamentos modernos na aplicação, como acontece no O Rei dos Cabelos.

Outros aspectos que devem ser levados em consideração quando se fala em Cabelo Sintético x Cabelo Orgânico são:

  • A manutenção. Não adianta investir em fios longos e coloridos se você não está disposta a cuidar deles como se fossem seus – e são, né?
  • Higienização é tudo, mas sem exagero. Cada tipo de fio possui um limite;
  • Glicerina/óleo capilar para os orgânicos e reparador de pontas para os sintéticos ajudam a prevenir pontas duplas e fios pesado;
  • Dormir de cabelo preso evita o embaraço, ou seja, tempo de preocupação convertido em horas de divertimento!

Agora, é só pensar qual o tipo de cabelo que você deseja e contar com as orientações e os serviços da equipe do O Rei dos Cabelos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *